segunda-feira, 21 de abril de 2014

O prefeito que foi reitor e a desmoralização da intelectualidade



O prefeito atual se elegeu sobretudo por ter emplacado a fama de ter sido um bom reitor da UFSJ. Os professores, técnicos e muitos estudantes confirmaram para o resto do povo essa fama, e em maioria apoiaram o ex-reitor como candidato a prefeito. Agora, quando a população se decepciona com o ex-reitor, é como se mais uma pá de terra caísse sobre o túmulo do prestígio político dos intelectuais. É chegada portanto a hora de explicar muito bem ao povo o que realmente é a intelectualidade, primeiro o conceito, depois os fatos em nossa sociedade, para tentar limpar a lambança feita pelos “doutores” e reduzir um pouco o culto à ignorância que certamente retornou por obra e graça do ex-reitor e de seus cabos-eleitorais.

terça-feira, 15 de abril de 2014

EDUCADORES ENCERRAM GREVE!

Atualizando as notícias da greve dos educadores municipais de São João Del Rei que acompanhamos de perto, viemos agora informar o término da greve. Hoje (15/04/2014) em Assembleia no Maria Teresa, os profissionais em educação votaram pelo fim da greve e aprovação da manutenção do Estado de Greve para acompanhar o cumprimento das promessas feitas pela prefeitura.

quarta-feira, 9 de abril de 2014

EM NOVA ASSEMBLEIA, EDUCADORES PERMANECEM EM GREVE

Hoje no Maria Teresa (09/04/2014), os educadores votaram novamente pela manutenção da greve da categoria. Os professores, honrosamente, permaneceram em greve contrariando a tática divisionista da prefeitura!

quinta-feira, 3 de abril de 2014

EDUCADORES CONTINUAM EM GREVE

Em Assembleia no Maria Teresa ontem (02/04/2014), os educadores municipais de São João Del Rei votaram pela permanência da greve por tempo indeterminado. A greve começou no dia 25 de março por causa, entre outras propostas, do desrespeito a lei do piso nacional nº 11.738, instituído pelo governo federal que o município não consegue cumprir. Além disso, os auxiliares de educação não conseguem chegar, no seu salário base, nem mesmo ao salário mínimo! (1)