segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Imprensa brasileira defende corrupção e impunidade

Essa mesma imprensa assalariada pelo estrangeiro, que está afirmando que os EUA "subestimaram" o Estado Islâmico quando todo mundo sabe que na verdade o criaram como desculpa para mais uma guerra. Essa mesma imprensa que atua dentro do Brasil como uma tropa invasora, sempre contra os interesses nacionais, agora revela, mais uma vez, quem são seus donos. Cuba acaba de condenar 14 cubanos de alto escalão e 3 executivos de uma empresa canadense por corrupção, com penas que vão de 7 a 20 anos. A imprensa "brasileira" tomou logo a defesa dos corruptos!

Para quem conhece o capitalismo e a imprensa brasileira não há surpresas! Já em 1852, analisando a curta história da Segundo República Francesa, Karl Marx já constatou a tendência do poder nos Estados capitalistas caírem nas mãos dos bandidos, especuladores da bolsa e corruptos. E a imprensa "brasileira" por sua vez de brasileira não tem nada. Essa imprensa um instrumento não de Washington, mas mais exatamente do Pentagono, pois é parte do maquinário de guerra dos EUA. Ou seja, seus donos são os maiores bandidos do mundo.

Note-se que a Justiça cubana está sendo branda, pois não decidiu por nenhuma execução. A corrupção, endêmica no capitalismo, para o socialismo é como veneno. A queda da União Soviética provou que os verdadeiros inimigos do socialismo, realmente capazes de articularem a volta ao capitalismo, são os corruptos, sempre somando bandidos no governo e na iniciativa privada. Reprimi-los com dureza exemplar é uma necessidade de qualquer Revolução socialista que queira durar. Tanto sob o capitalismo quanto sob o socialismo a corrupção é o principal combustível da política capitalista.

A imprensa capitalista afirma que punindo os corruptos Cuba afastará investimentos estrangeiros. Que incrível confissão de que se protege os corruptos no Brasil e em todo o mundo capitalista pelo simples fato de que eles se corrompem lado a lado com os detentores do capital! Reprimir a corrupção é afastar os capitalistas do país! Que confissão "global"!

Que fique claro para os cubanos - quando prendem corruptos em Cuba isso aflige os inimigos da Revolução mais do que a prisão de qualquer opositor político.

Um comentário:

Postar um comentário