quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Grã-Bretanha vai deportar Julian Assange

Rompendo com séculos de tradição, a Grã-Bretanha vai deportar um refugiado político. Trata-se de Assange, o Australiano criador do Wikileaks. Existem contra Assange, na Suécia, denúncias montadas por agentes da CIA. Fato é que os EUA não engolem a divulgação de seus segredos sujos sem se vingar, e os países europeus estão reduzidos a colônias de forma que não podem se negar a participar da farsa.

Isso é que é a decadência de um império (aliás, curto e impotente) - criar um mártir só por vingança, pois não há outra utilidade, visto que Assange não pode desfazer o que fez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário