quinta-feira, 24 de março de 2011

Presidente da Câmara dá provas de incapacidade de lidar com o público



Pela segunda reunião seguida o presidente da Câmara dos vereadores de São João del-Rei, do PSDB, interrompe a sessão para brigar com manifestantes. Que descontrole! Pode-se notar no vídeo feito pelo Instituto Apoiar que o presidente tucano se indispôs antes com uma vereadora, o que parece ser aliás o seu hábito, pois na semana passada ele interrompeu outra vereadora, de forma que podemos dizer que uma Câmara em que metade são mulheres elegeu um homem para cortar as falas das mulheres!?!? Ele estava com dificuldades para falar, o que também parece descontrole.

Pode-se discordar da encenação feita pelo estudante conterrâneo, Petterson Ávila, mas isso é o menos importante de tudo que se aprende com esse vídeo. Deve-se notar que o próprio representante do PSDB afirmou que a polícia já estava "lá embaixo", ou seja, que já planejava acionar a polícia contra o público. O que será que ele pensa? Será que acha que pode legislar escondido do povo? A panelinha podia ter escolhido um vereador mais preparado entre a sua maioria garantida, menos suscetível a opiniões contrárias.

Falando em polícia, deve-se elogiar a atuação dos policiais que assistimos, que foram, como agora tem se tornado comum em São João del-Rei, educados, como deve ser na civilização. Eu já estava para escrever um artigo sobre uma abordagem da polícia militar que recebi com uns amigos em uma pracinha escura e suspeita, e na qual fomos todos muito bem tratados. Essa outra atuação exemplar da polícia militar mineira é digna de elogios, e aliás, precisa ser elogiada. Os policiais são funcionários públicos, e como tais devem ser premiados por seus méritos e punidos pelos seus erros. Se não elogiamos o que é certo ficam sem valor as acusações que já fizemos e que talvez tenhamos que fazer no futuro.

Notem, os policiais estavam claramente constrangidos de estarem ali se envolvendo em uma luta política. Eles são instruídos e sabem que esse é o papel que a polícia nunca deveria ter. O presidente da Câmara podia poupar os policiais dessas situações! Se ele não dá conta de aguentar os manifestantes, renuncie, mas não apele. 

Um comentário:

Anarchist, Socialist disse...

Olá, parabenizo o trabalho do blog São João del Pueblo. Mas considero inportante fortalecer a organização coletiva dos grupos populares da sociedade, e não se pautar por questões pequenas. Nós precisamos, antes de tudo, nos organizar, e temos uma grande oportunidade, agora, com o surgimento da organização Assembleia Popular. É IMPORTANTE QUE AS DIVERSAS FORÇAS QUE CONSTROEM ESSA ORGANIZAÇÃO TTRABALHEM PARA FORTALECER OS INTERESSES COLETIVOS E POPULARES, E NÃO SUBMETAM ESSA ORGANIZAÇÃO AOS INTERESSES DE DETERMINADAS ENTIDADES. Sei que já houve várias tentativas de organizar um movimento coletivo que agrupasse todas organizações populares e os sindicatos da cidade, e sempre aconteciam problemas, as organizam que trabalham nesse sentido, e que se mantiveram fazem um trabalho bom, mas tem pouca fundamentação política.. Então, este é um momento de avanço nas lutas populares de São João del-Rei, porque a Universidade cresceu muito e a partir de agora os estudantes sempre estarão envolvidos em mobilização popular por aqui... Mas por outro lado, a expansão da Universidade trouxe problemas para a cidade, que a população não consegue entender direito, como o aumento dos aluguéis, isto, evidendentemente, não é culpa dos estudantes, e a expansão da Universidade tende a trazer muitos benefícios, é necessário, então, muita disciplina, organização e seriedade para aproveitar esses benefícios. É preciso sempre discutir com a população e sempre pensar nos interesses coletivos de toda a sociedade, principalmente das classes populares. A minha conclusão é que a expansão da Universidade tráz problemas e melhorias (muito mais melhorias que problemas), é preciso discutir esse problemas de forma séria, junto com a população e aproveitar as vantajens e o momento propício para a organização popular da cidade...

Postar um comentário